terça-feira, 4 de julho de 2017

sexta-feira, 9 de junho de 2017

08.06.2017 - 3° mesversário do Giovani

São apenas 3 meses, mas não sei como vivia sem ele.
Nossa vida está mais colorida, com muito mais risadas e brincadeiras!
A Manu é a melhor mana mais velha (Como ela mesma diz). Afofa ele, pega no colo, quer cuidar e ele já sabe, fica esperando a bagunça com ela.
O papai é um babão, cheio de orgulho, um parceiro maravilhoso. Adora o colinho do papai para dormir!
Eu, sou suspeita em falar. Estou cada dia mais apaixonada pela cria e pela família que construímos!
Sinto aquele orgulho de apertar o peito e encher os olhos de lágrimas!
Muita emoção da história que estamos escrevendo, e dos filhos que deixaremos para o mundo!

quarta-feira, 8 de março de 2017

07.03.2017 - 41 semanas - parte 2

Passei o dia buscando minha conexão com o momento do parto, com meu filho e comigo mesma.

Como a Manu nasceu de cesariana, não havendo sinais de trabalho de parto ativo, com dilatação e contrações regulares, a indicação é de realizarmos nova cesariana.

Então, preciso estar preparada para ambas as situações, pois o emocional, principalmente tem um papel importantíssimo nesta hora.


terça-feira, 7 de março de 2017

07.03.2017 - 41 semanas

Bom dia!!!

Está noite foi um pouco mais agitada, fui acordada por algumas contrações mais pegadinhas. Porém nada que represente inicio de trabalho de parto ativo.

Aí vem a dúvida...

O que é um trabalho de parto ativo???

Na fase ativa do trabalho de parto, o colo do útero dilata dos 3-4 cm aos 8 -10 cm. O trabalho de parto só é considerado ativo depois de o colo do útero ter 3 ou 4 cm de dilatação. Esta fase dura 6 a 8 horas (média) e o colo do útero dilata até aos 7 cm.
Assim que as contrações se tornarem regulares, a cada 5 – 6 minutos, deverá começar a registá-las. Se sentir contrações ritmadas de 10 em 10 ou de 5 em 5 minutos, acompanhadas de dores, rotura da bolsa de águas ou hemorragia vaginal, deve dirigir-se de imediato à maternidade/hospital. (fonte:https://www.maemequer.pt/estou-gravida/parto/trabalho-de-parto/trabalho-de-parto-ativo/)
Por hora é isto!
Bom dia a todos nós!!!! 😁💋


segunda-feira, 6 de março de 2017

06.03.2017 - Dicas que podem ajudar a entrar em trabalho de parto

Como já vimos nos comentários, praticar atividades físicas como uma boa caminhada e sexo, podem ajudar. Ainda recebi outras e tem uns porquês interessantes,.

Vamos lá, a mais conhecida é fazer exercícios físicos, pois para estimular o início das contrações é preciso mexer a musculatura em volta do útero. Entre os exercicios mais comuns estão caminhadas perto de casa, shopping ou supermercado, também atividades leves como ioga ou natação. É claro, que farás em um ritmo confortável, com orientação do médico e por quanto tempo aguentar.

- Juro que já pensei em correr no gasômetro, antes de engravidar fazia 10km. Esquisito é que as pernas não respondem como antes, nem trotes leves não consigo fazer. Mas tenho caminhado sempre que possível.

Outra dica super comum, é fazer SEXO. Sim, fazer SEXO! As explicações a Paula Pedone colocou nos comentários do post anterior. Copiei e colei: A relação sexual pode ajudar a induzir o parto de três formas. A primeira é pelo estímulo uterino que os orgasmos provocam. Segundo, pela liberação natural de ocitocina que a atividade gera – em induções clínicas, uma versão sintética deste hormônio é aplicada na gestante. Por último, o sêmen contém prostaglandina, que pode deixar o colo do útero melhor preparado para a dilatação. “Se tiver vontade, pode fazer todos os dias”, diz a doula Cris Balzano – com permissão do médico, claro.
Fonte: Delas - iG @ http://delas.ig.com.br/filhos/6-atitudes-que-ajudam-a-induzir-o-trabalho-de-parto/n1237961688348.html

- Então, bora namorar a vontade. Até porque depois vai ser um pouquinho mais difícil, tem a recuperação, a libido, a atenção voltada ao bebê. Já que tá liberado, vamos aproveitar.

Li em vários sites e até achei esquisito, mas vai saber: Estimular os mamilos - “Massagens e beliscões suaves nos bicos dos seios estimulam a liberação de ocitocina, hormônio responsável pelas contrações”, explica o ginecologista Eduardo. O recomendado é fazer a estimulação três vezes ao dia, por períodos de uma hora, alternando os lados.

- Tentei algumas vezes, mas não curti não...

Aquecer-se. Dai vem as tais comidas apimentadas, banhos mais quentes e escalda-pés. 

A medicina chinesa prega que, para entrar em trabalho de parto, a mulher precisa estar rodeada de calor. Daí vem a ideia de ingerir comida apimentada. É uma ótima desculpa pra visitar aquele restaurante indiano ou mexicano que você adora. Mas cuidado: se você não estiver acostumada com pimenta, pode ter azia e irritação no intestino.

Banhos mais quentes e escalda-pés, ajudam a relaxar, diminuir inchaços. Alguns sugerem só água, outros colocar sal grosso, vinagre, álcool, óleos essenciais... e por ai vai.


- Minhas comidinhas tem sido bem temperadinhas, e já estava com muita vontade de comida mexicana. Facilito! 

- Quanto aos banhos, gosto mais quentinhos, mas estava calor de mais. Agora tem feito antes de dormir um banho só para relaxar. E gosto de colocar os pés em uma bacia  com água fria e sala grosso, enquanto faço uma meditação guiada - é um áudio muito bom que tenho salvo.

Ainda tem: Reiki, Acupuntura, uma mão amiga do obstetra - que na verdade, na hora não é tão amiga, é dar uma forçada no momento do exame de toque, mas pode ajudar. 

Ah, e ontem teve uma sugestão nova, assistir aos episódios pré parto da personagem Rachel do seriado Friends - estão no final da 8ª temporada. Motivo: ver que acontece com todo mundo e boas gargalhadas, que também aumentam o nível de serotonina que ajuda a relaxar. Que no caso, é o que mais precisamos RELAXAR, cabeça e corpo para que tudo flua bem!

Tem mais dicas? Já fez alguma coisa diferente para iniciar o trabalho de parto? Manda ai! Sempre pode ser útil!